Como configurar o WordPress: 5 Itens Que você Precisa Fazer Depois da Instalação

Como configurar o WordPress – Terminei de instalar meu Blog WordPress.

E agora como devo proceder? Como configurar o WordPress? Quais os passos que deverei seguir para que meu blog tenha visibilidade na internet e seja achado pelas pessoas? Estas são algumas das dúvidas que sempre ouvimos de pessoas que acabaram de instalar seu blog WordPress.

Como configurar o WordPress - 5 Itens Que você Precisa Fazer Depois da Instalação

Se você também é uma destas pessoas que tem dúvidas sobre o que e o que deve fazer para configurar o WordPress, confira o checklist abaixo onde apresento algumas dicas e configurações básicas que irão fazer toda a diferença nesta primeira etapa da publicação do seu blog.

1. Definir a aparência – Como configurar o WordPress

Um bom, conteúdo é sem dúvida muito importante, mas não podemos esquecer que o layout de um site também é um item primordial. Por isso, definir o tema é um processo fundamental e que devemos ter muita atenção, e é um dos primeiros passos do nosso Check list WordPress para viabilizar seu projeto online.

Nesta etapa, devemos testar diversos temas antes de escolher qual o melhor se adapta ao perfil do nosso site ou blog. Então, aproveitaremos o processo: afinal, é ele que irá definir o layout que iremos apresentar aos nossos leitores.

A instalação padrão do WordPress já disponibiliza alguns temas, que encontramos no painel de administração, no menu Aparência → Temas. Podemos alternar entre diversos temas, buscar novos temas que estão disponibilizados no acervo de temas do WordPress, ou então poderemos fazer o upload de um tema que já adquirimos e/ou que tínhamos em outro blog.

Para encontrarmos novas opções de temas iremos até o menu Aparência → Temas e clicaremos no botão Adicionar novo. Na página que se abrir, faremos uma busca utilizando os filtros disponíveis ou faremos o upload de um tema que já temos salvo em nosso PC.

▶Aprenda Como Configurar o WordPress

Dica: se você já tem algum conhecimento em HTML e CSS você poderá até modificar um tema existente, ou até mesmo criar tema um do zero.

2. Altere o título e a descrição

Não devemos deixar aquela frase padrão Só mais um site WordPress visível para todos quem visitam nosso site. Afinal, este ó local onde devemos descrever o objetivo do nosso site ou blog.

Fazer as alterações é muito fácil. No Painel de Administração do WordPress, acessaremos Configurações → Geral, e alteraremos as informações como Título do Site e Descrição. Aquela famosa frase vai desaparecer, e então teremos uma descrição que realmente irá falar com os nossos leitores!

Bom, veremos a diferença na prática? Confira as imagens abaixo. Na primeira, a versão com Só mais um site WordPress, e sem alterações na descrição:

Como Configurar o WordPress exemplo-1

Agora veremos, a versão já atualizada traz mais informações sobre o blog, e o que poderemos esperar deste novo canal de comunicação.

Como Configurar o WordPress exemplo-2

3. Defina uma estrutura de links permanentes

Se procurarmos por informações sobre SEO, com certeza já ouviu falar sobre o termo URL amigável. O nome pode ser complexo, mas configurar uma estrutura de links permanentes que seja amigável para os leitores de nosso site ou blog (e também para os motores de busca, como Google, Bing e Yahoo, por exemplo) é muito simples.

Só precisaremos acessar a aba Configurações e selecionar Links Permanentes. Em Configurações no menu a esquerda, selecionaremos entre as alternativas disponibilizadas pelo CMS.

▶Configuração de Links Permanentes

Se mantivermos a estrutura configurada como padrão pelo CMS, o meu blog Vilmar Florenco Net teria a seguinte estrutura de links permanentes: http://vilmarflorenco.net/?p=123.

Não é um link muito amigável, concorda? Como opção para nossos links, escolheremos a estrutura Nome do post, deixando assim os nossos links com a seguinte estrutura: http://vilmarflorenco.net/como-configurar-o-wordpress/.

Dica: escolha sempre a estrutura que sempre fizer mais sentido dentro da realidade do seu site ou blog. Como configurar o WordPress

4. Configuraremos as opções de leitura

O que deverá aparecer na página inicial do seu site? Se você estiver construindo um site por exemplo, fará sentido habilitar a opção de mostrar uma página estática, por exemplo. Já no caso de ser um blog, na minha opinião, você deveria preferir que os usuários/leitores, visualizassem seus posts mais recentes.

Você também poderá definir quantos posts irá mostrar em cada página, se preferir mostrar um resumo ou o texto completo dos seus artigos/posts.

Todas estas configurações você poderá fazer facilmente no painel de administração do WordPress. Para selecionar as opções, acesse o menu Configurações → Leitura.

▶Configurações de Opções de Leitura

5. Refinaremos os plug-ins que iremos habilitar/utilizar

Plug-ins são necessários e essenciais para otimizar o funcionamento de um blog, mas devem ser utilizados com cautela, pois poderão gerar alto consumo de recursos do servidor. Daremos preferências para plug-ins do acervo do WordPress, e selecionaremos apenas plug-ins que serão essenciais para o funcionamento do nosso site ou blog. Abaixo, teremos uma lista de plug-ins necessários e indispensáveis:

Cache: Estes plug-ins auxiliam no carregamento do seu site, pois criam páginas estáticas, reduzindo assim o consumo de recursos do servidor. Recomendamos o WP Super Cache ou poderá usar o W3 Total Cache, se irá utilizar recursos avançados como Minify ou integração CDN.

Anti-spam: No arsenal de combate ao spam, todo o auxílio é bem-vindo. Para um site em WordPress, o ideal é sempre utilizar um bom plug-in de captcha como o Captcha Code, por exemplo, associado ao Akismet – específico para evitar spam em comentários. O Captcha Code está disponível no acervo do WordPress, e o Akismet é instalado como padrão no WordPress, sendo necessário apenas ativá-lo e configurá-lo.

Plugin de SEO: Existem muitos plug-ins com este nobre (e essencial) objetivo. No nosso blog, utilizaremos o WordPress Yoast SEO, considerado um dos mais completos do mercado.

A instalação e a ativação dos plug-ins poderá ser realizada na área administrativa do WordPress, no menu Plugins. O número de plug-ins voltados para diferentes áreas é vasto. Informe-se primeiro sobre cada plug-in antes de utilizá-los pois, poderão tanto elevar a qualidade de seu site e ou blog, como poderá deixar seu site ou blog com sérios problemas. Utilize sempre somente aqueles que poderão elevar o potencial do seu site ou blog.

Então, está preparado para colocar seu site WordPress no ar? Teste as nossas dicas sobre como configurar o WordPress e depois comente: elas foram úteis para você?

Saudações!

 

Como configurar o WordPress: 5 Itens Que você Precisa Fazer Depois da Instalação
5 (100%) 214 votes

Vormaro

Sou técnico em informática e como tal já tive o privilégio de conhecer diversas pessoas com inúmeras personalidades, aprendi que nem sempre podemos agradar a todos mas, procuro de alguma forma ajudar a quem precisa. Por isso procuro incansavelmente na internet por alguma maneira de fazer o melhor para ajudar e contribuir com o maior número possível de pessoas todos os meus conhecimento que adquiri a olongo de um pouco mais de 12 anos de experiência. Bem, este sou eu. Vilmar Florenco (Vormaro) Timbó – Stª Catarina – Brasil.

Website: https://vormaro.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 12 =

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.